O Lugar em que me Escondo


  “Tu és o lugar em que me escondo” Sl. 32.7


Buscar abrigo as vezes é inevitável. De repente aquela morada onde nos sentimos protegidos, acolhidos, amados e, muitas vezes inabaláveis, desmorona. A fraqueza humana nos leva  a lamentar e tendemos a querer desistir e ficar pelo caminho. O pior de tudo é que isso sempre acontece na vida de todo mundo e enquanto vivermos corrermos risco dos nossos abrigos ruírem.


Mas até que ponto conseguiremos forças para reconstruir ? Até  que ponto suportaremos as ruínas caírem sobre nossas cabeças ?


Enquanto questionamos perdemos um tempo precioso. É bom nos contentar e se lembrar da promessa de Deus de que Ele nos protegerá debaixo de suas asas. Em Deus nunca ficaremos perdidos, sempre teremos onde nos esconder nos dias maus. Não importa a situação,  quão grande é nosso pecado, o tamanho dos nossos inimigos… Nada pode nos afastar do amor de Deus. Abra seu coração.



  #Oremos o Salmo 34
Tecnologia do Blogger.